sábado, 29 de dezembro de 2007

Raízes

Este Freixo, esta terra,
este sítio que em mim mora.
Estes vales, esta serra
não me deixam ir embora

Desta gente, deste mosto
tanto há que dizer e eu não digo...
Mas quando dela eu me afasto
a minha terra vem comigo.

sábado, 22 de dezembro de 2007

Boas festas

Deseja o rato a todos os seus amigos um feliz Natal
e um grande ano de 2008. Que seja um ano repleto
de sorrisos e 12 meses com muitos sucessos
pessoais e profissionais.
Bem hajam todos.
um abraço amigo

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

São Francisco, EUA

Foi das viagens mais giras que fiz até hoje. Estive em São Francisco com a Intel num encontro de nerds (onde eu era, obviamente, a excepção ;-)))) onde o fabricante norte-americano revelou as novidades no que concerne a processadores e chipsets. O Intel Developer Forum (IDF) é um encontro anual que contou com centenas de jornalistas e técnicos, mas ainda houve algum tempo livre.
Além de conseguir dar um saltinho a Fisherman's Warf e de ter andado no famoso eléctrico de São Francisco, também não me esqueci de visitar Chinatown. Na foto, podem ver-me no barco a caminho de Alcatraz - o edifício atrás de mim é o primeiro prédio da penitenciária existente na ilha que, entre outros, acolheu Al Capone durante os seus anos de enclausuramento.
Detalhes da Viagem
São Francisco, EUA
Tempo de viagem - 2 (necessariamente longo... com escala em N.I. Demorei 16 horas no total)
Comida - 4 (há de tudo...)
Estadia - 4
Clima - 2 (apanhei dias de chuva)
Interacção com nativos - 3
Geral -3

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Uma rima simples

Palavras tuas, meias-palavras,
o meu olhar meio-perdido.
Num mar só nosso de ondas bravas
sonho, afogado, meio esquecido.

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Tenerife, Espanha

Chama-se HP Labs e é um evento que reúne jornalistas e técnicos do fabricante norte-americano para falarem de novas tecnologias, novos standards e novos produtos. Nesta edição, em Tenerife, junto à costa africana, houve algum tempo para lazer. Além do passeio de barco - que, à partida, dispensava - houve algum tempo livre, no fim das tardes, para uns mergulhos na fantástica piscina do Hotel.
A viagem foi para esquecer - desde perder o avião em Madrid até apanhar trânsito de loucos na estrada para o Hotel - mas, no geral, valeu a pena.
A título de curiosidade,este ano o HP Labs foi em Lisboa.

Detalhes da viagem (de 0 a 5)
Tenerife, Espanha
Tempo de viagem - 1 (escala em Madrid. Perdemos o avião. Demorámos cerca de 12 horas. era mais rápido a nado...)
Comida - 3
Estadia -5 (Hotel fantástico, quarto mto confortável)
Clima -4 (calor africano)
Interacção com nativos - 3
Geral - 3,2

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Um blogue com preguiça

Eis-me sentado em frente ao computador para trabalhar em mais um tema para a revista, quando dou por mim a vadiar na blogosfera nacional em busca de pensamentos e ideias. E depois lembro-me de um link que a minha amiga PP me havia enviado há algum tempo, e ao qual não tinha ainda dado a devida atenção. O Pecado da Preguiça é um blogue pessoal que já anda na maior das redes há três anos. A sua autora trabalha numa rádio nacional e tem, como poderá ver aquando da visita, contacto próximo com o mundo das artes e com as pessoas que lhe dão vida. Mas não é só por isso que o blogue é interessante. A escrita criativa, a escolha adequada dos temas, a ironia salutar e o design são outras das razões para lá dar um salto.
Com este post procuro tranquilizar a minha consciência - pois já deveria ter feito referência à Preguiça - e enriquecer os links dos meus amigos com um endereço que, acredito, vão visitar daqui por diante.

sábado, 15 de dezembro de 2007

Amor distante

Não me ligues hoje.
Deixa-me morrer nesta incerteza,
e enquanto alimento esta tristeza
peço-te com carinho
que não me ligues hoje.

Não me ligues hoje.
Deixa que as horas passem por nós,
deixa que o dia nos ensine a estar sós...
quero estar sozinho,
não me ligues hoje.

Ama-me de longe,
de onde não te cheire nem te possa ver,
onde apagues a chama que em mim quer nascer
pra te amar ao perto...
Ama-me de longe.

Ama-me de longe,
sem me amares a sério, sem viveres em mim.
Não quero um início - dá-nos já um fim
pra este amor incerto.
Ama-me de longe.


terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Roma, Itália


Ora aí está uma daquelas viagens que não se esquecem. Roma é, até hoje, a minha cidade de eleição. História por todo o lado, mulheres bonitas, tempo fantástico e comida deliciosa fazem uma mistura de chorar por mais. Estivem com a Epson na capital italiana para ver impressoras empresariais, mas o que ficou na retina foram os incríveis monumentos romanos e a beleza de uma cidade que já foi o centro do mundo.
Como acontece quase sempre, a viagem durou pouco - fui num dia e vim no outro - mas deu tempo para tirar esta fotografia junto à Fonte Di Trevi. Espero poder voltar brevemente para uma visita mais dedicada e sobretudo, mais demorada.
Detalhes da viagens (de 0 a 5)
Roma, Itália
Tempo de viagem - 5 (directo)
Comida - 5
Estadia - 4
Clima - 4
Interacção com nativos - 4
Geral - 4,4

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

A foz no Porto

Já lá não ia há algum tempo,
mas valeu a pena. Pela cidade
e pelas pessoas, que a tornam ainda mais bonita.

sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Augsburg, Alemanha

Perto de Munique, na cidade de Augsburg, a Fujistu Siemens (FS) recebe anualmente jornalistas num evento deseignado October Fest. É uma montra tecnológica que a empresa nipónico-alemã apresenta nas suas instalações para revelar a estratégia e os novos produtos.
Sabeis já que é difícil para mim falar sobre estadias na Alemanha... Augsburg é uma cidade muito bonita. Ainda se vêem os buracos das balas aliadas em alguns edifícios - ficaram lá desde 1945, quando a cidade foi conquistada aos hunos.
Fora isso, pouco mais há a dizer. Foi uma viagem de três dias em que não consegui ver devidamente este poiso na Baviera. Foi interessante ver as salas de teste da FS, mas os motivos de interesse ficaram-se quase somente por aí...

Detalhes da Viagem (de 0 a 5)
Ausgsburg, Alemanha
Tempo de viagem - 4
Comida - 2
Estadia - 3
Clima - 2
Interacção com nativos - 2
Geral - 2,6

sábado, 24 de novembro de 2007

Afonso, o pequeno Gil

O ar de contente não é por acaso. A Susana tem nos braços o Afonso, a mais recente contratação da família sportinguista portuguesa. O irmão do Henrique "Fera" porta-se muito bem e adora estar ao colo dos padrinhos. É muito parecido com a mãe e dá-se às mil maravilhas com o mano - que o adora, de resto. Não poderia faltar aqui um registo para a história de dois tios babados. Mal posso esperar que ele leia isto daqui a 20 anos. Quando for médio-ala direito em Alvalade.

Cannes, França

Muita gente me pergunta se as viagens são apenas entediantes, cansativas ou repetitivas. Estaria a fugir à verade se dissesse que, de ora em vez, não temos algum tempo livre. Aliás, há uns anos, fui com a Epson a Cannes e tive, em abono da verdade, algum tempo para dar um salto à praia privativa do Carlton e para molhar os pés no Mediterrânico. Foi em Junho, pelo que deu para tirar proveito do tempo livre de que dispunha.
O trabalho fez-se na mesma, mas tanto eu como os meus colegas conseguimos equilibrar a actividade profissional com algum tempo lúdico.
A cidade em si não tem nada para ver. Os únicos apelos históricos nada têm que ver com a verdadeira História... «ah, este casino foi aberto em 1978 e este Hotel em 1960, e coiso...». upi-doo! Fascinante. Mas pode dizer-me onde é a praia? é que quero apanhar algum sol enquanto como o hamburguer que me custou 21 euros...
Uma vez que me queixo muitas vezes da falta de tempo livre, seria injusto se não citasse aqui esta viagem que marca um exemplo infelizmente tão poucas vezes seguido...


Detalhes da Viagem (de 0 a 5)
Cannes, França
Tempo de viagem - 4
Comida - 4
Estadia - 5 (Hotel fabuloso e em frente à praia)
Clima - 5
Interacção com nativos - 3 (não dava para valar com eles, pq não abriam os vidros dos Ferraris e dos R.Royce...)
Geral - 4,2

quinta-feira, 22 de novembro de 2007

Monte Carlo, Mónaco

Já foi há algum tempo, mas não cheguei a escrever sobre a viagem que fiz com os responsáveis da HP ao Mónaco para ver as plataformas desktop especialmente concebidas para elevadas necessidades de processamento. Pude andar de helicóptero (aterrei em Nice e fui de Nice para o Mónaco junto à costa) e tive a hipótese de entrar em contacto com o nível de riqueza e de opulência com o qual apenas podemos sonhar. Os carros e as casas são apenas a ponta do icebergue...
Fiquei num hotel muito perto do Hotel de Paris - a sede das forças de ocupação alemãs na cidade, durante a Segunda Guerra Mundial-, o que foi o elemento de maior interesse histórico que vi. A curva do circuito de F1 tem interesse na primeira vez, mas não mais que isso...

Detalhes da Viagem (de 0 a 5)
Monte Carlo, Mónaco
Tempo de viagem - 4
Comida - 4
Estadia - 4
Clima - 3
Interacção com nativos - 2 (é absurdo dar gorjetas a gente que ganha três vezes o meu ordenado)
Geral - 3,4

Ainda Varsóvia...

video

para não dizerem que exagerei... reparem nas paredes a cairem e nos buracos...

sábado, 17 de novembro de 2007

Varsóvia, Polónia

Estive em Varsóvia com a AMD para ver o fruto do trabalho da empresa nos últimos meses - a plataforma Spider. A imagem diz tudo: no pouco tempo que tive livre, pude dar uma volta ao pé do Hotel Hilton, que fica, com sorte minha, perto do centro da cidade. Esteve muito frio - entre -4 e 0 graus quase sempre - e mesmo devidamente "equipado", não pude deixar de sentir algumas sensações desagradáveis, especialmente quando o vento levantava...
A cidade não é bonita, ao contrário - dizem-me - de Cracóvia. Além disso, a AMD teve a infeliz ideia de nos levar para uma discoteca revivalista de dance music - uma ideia que, como seria de esperar, não resultou. Por duas razões. Primeio, porque fui para a discoteca com 79 geeks e sem mulheres. Depois, porque a discoteca era num armazém abandonado que mal tinha sido restaurado. Na verdade, as paredes ainda perdiam betão e os buracos das chaminés estavam tapados com placas de cortiça. Ao menos, em Lisboa, nós recuperamos os armazéns antes de os transformar em discos, certo? Além disso, como comemos lá, tivemos de o fazer de pé. Qualquer pessoa pode imaginar o desafio de tentar cortar carte num prato minúsculo enquanto tem de segurar nele, em ambos os talheres e no copo de cerveja (já agora, a cerveja portuguesa é melhor). Com sorte, arranjava-se um sofá para pousar as coisas. Geralmente, o copo tinha de ser colocado no chão. Muitas vezes, o conteúdo do prato ia, sem que o seu dono o quisesse, fazer-lhe companhia. Há coisas que não fazem sentido. Claro que, depois do jantar, apanhei um taxi para o Hotel e fui ver a versão americana do The Office para o quarto. E ainda bem.


Detalhes de viagem (de 0a 5)
Varsóvia, Polónia
Tempo de viagem - 5 (escala em Madrid, o que é óptimo - perde-se pouco tempo)
Comida - 3 (nada mau. Para quem está ao lado da Alemanha...)
Estadia - 4 (Hilton diz tudo. Pouco tempo livre, porém)
Clima - 2 (muito frio, mas ao menos podia ter nevado)
Interacção com nativos - 4 (gente simpática, polacas são girasssssssssss....)
Geral - 3,6

quinta-feira, 8 de novembro de 2007

Amesterdão, Holanda

A viagem à cidade do Red Light District não permitiu grandes visitas, mas depois da apresentação das motherboards da Chaintech ainda houve tempo para ver os canais holandeses e para saborear uma refeição no Hard Rock Café da capital da terra dos moinhos de vento.
A cidade é muito bonita e muito embora não queira cair no comentário banal e repetitivo, a verdade é que o Red Light não deixa ninguém indiferente. É realmente um mercado de sexo, onde a estranheza de ver tanta "oferta" (e tão variada) contrasta apenas com a verificação de que, pelo menos, existem cuidados de saúde e de higiene que garantem mínimas condições para quem vende e para quem compra.
As Cofee Shops são sobrevalorizadas e foram uma desilusão. Se possível, uma cidade a visitar em turismo, quando se puderem reunir condições para ver mais do que simplesmente mulheres nuas e motherboards.


Detalhes da viagem (de 0 a 5)
Amesterdão, Holanda
Tempo de viagem - 4 (directo)
Comida - 2 (a comida holandesa é quase tão má quanto a alemã)
Estadia - 4
Clima - 3 (quase sempre cinzento)
Interacção com nativos - 2
Geral - 3,2

Salzburgo, Austria

Vale a pena recordar a viagem a essa cidade tão bonita, onde pude ver o lançamento das Mju, da Olympus. A paisagem é o que melhor fica na memória. Montes pintados de branco faziam sombras fugidias num lago gelado que me servia de primeiro quadro, ao acordar.
Pude andar de balão de ar quente e exprimentar arco e flecha e outros desportos do género, mas a temperatura de -4 graus fez estragos nos meus pés. Se, por um lado, o casaco que o fabricante gentilmente nos cedeu serviu para aquecer (e bem) o corpo, por outro as meias que levei de Lisboa revelaram-se claramente insuficientes para as exigências do tempo austríaco e particularmente da neve de Salzburgo.

Detalhes da viagem (de 0 a 5)
Salzburgo, Áustria
Tempo de viagem - 4
Comida - 3
Estadia - 4
Clima - 3
Interacção com nativos - 3
Geral - 3,4

quarta-feira, 31 de outubro de 2007

Istambul, Turquia


Fui ver a nova máquina digital que a Olympus lançou para o mercado profissional à maior cidade da Turquia. Istambul (outrora Bizâncio ou Constantinopla) tem 15 milhões de habitantes e uma história singular, que mistura a cultura árabe e a cultura cristã europeia como poucas em todo o mundo.
A verdade é que este "enclave" que o ex-império Otomano tem no Bósforo serviu de alavanca para uma conquista imparável que levou os descendentes de Osman I até às portas da Áustria. O mar de Marmara assistiu decerto a algumas das mais violentas batalhas desta época, pelo que ir a Istambul é viver a história de perto e sentir o peso de centenas de anos nas paredes de algumas das igrejas e mesquitas mais fotografadas do Mundo.
De qualquer forma, e talvez por ser uma cidade gigantesca, acabei por vir um pouco desiludido. Tem monumentos lindíssimos e, como referi, história em quase todo o lado. Mas é poluída e as suas ruas são sujas. As pessoas também não têm o ar mais limpo, para ser franco, e se a antipatia pagasse imposto, estariam todos pobres.

Detalhes da viagem (de 0 a 5)
Istambul, Turquia
Tempo de viagem - 1 (escala em Frankfurt, qdo há voos de Madrid...)
Comida - 3
Estadia - 2 (mesmo o Hotel não primava pela limpeza)
Clima - 3 (nublado, mas temperatura de 15 graus)
Interacção com nativos - 1 (o texto acima diz tudo)
Geral - 2



sexta-feira, 14 de setembro de 2007

Ser português

Impecável. Daquelas coisas com que se concorda logo (pelo menos no meu caso). Ser português não é ter vergonha de não ser espanhol, não é ter vergonha de cantar o hino levantado porque mais ninguém o faz, não é ter vergonha de mostrar patriotismo com medo de ser confundido com nacionalismo, não é nada disso. é isto. e com orgulho de o ser e de os ver. Uma lição de que, mesmo na derrota, há uma vitória se a soubermos ver e apreciar. Parabéns aos Lobos.

segunda-feira, 10 de setembro de 2007

Para a "gente da minha terra"



As coisas vulgares que há na vida não deixam saudades

Só as lembranças que doem ou fazem sorrir...


Há gente que fica na história da história da gente


e outras de quem nem o nome lembramos ouvir...


- Chuva, Mariza

segunda-feira, 3 de setembro de 2007

onde o tempo dorme



onde o tempo dorme, descansam os meus olhos,
em mares de feno, dourados, aos molhos
se agitam ao vento, dançando a seu gosto,
doces como o vinho, simples como o mosto.

em tardes dormidas, quando o tempo pára
curam-se as feridas - só o tempo as sara
é esta paisagem cedida por Deus,
vê Deus nesta imagem, no feno, nos céus.

roubo tempo ao tempo, só neste lugar
de dançar tão lento, neste feno o meu mar
no tecto no mundo, ao entardecer
em sono profundo deixo o tempo morrer...


foto da região de Arouca - entre Fragoselas e Silveiras

sábado, 1 de setembro de 2007

Berlim, Alemanha

Não faz grande sentido comer joelho de porco ou banha barrada em tostas, mas eles acham que sim. Berlim é uma cidade lindíssima e vale a pena a visita. Aqui estou junto às portas de Brandenburgo - perto do Reichtag - junto a um monumento aos soldados soviéticos mortos na batalha de Berlim, no último ataque vermelho ao coração do império nazi. Pude ainda ver Check Point Charlie, claro está, bem como as marcas das balas nas paredes de alguns edifícios. Para quem gosta da Segunda Guerra Mundial, como eu, era necessário uma semana, mas uma manhã teve de chegar (até porque tive mesmo de ir trabalhar -ver novos equipamentos da Toshiba à IFA - uma feira de tecnologia).
É sabido que não adoro estar na Alemanha, mas Berlim vale mesmo a pena.

Detalhes da viagem (de 0 a 5)
Berlim, Alemanha
Tempo de viagem - 3 (necessário escala em Frankfurt)
Comida - 1 (mas que raio!?! claro que depois adoram a comida portuguesa, com o que comem...)
Estadia - 3
Clima - 2 (Verão, mas com chuva e temperatura baixa)
Interacção com nativos - 2 (há de tudo um pouco, mas, no geral, muito pouco simpáticos)
Geral - 2,2

sexta-feira, 6 de julho de 2007

Jogo na net


Para os meus amigos que gostam do Carcassonne e de jogos desse estilo, um conselho: visitem o site do Travian e inscrevam-se. É um jogo online para "se ir jogando". A ideia é construir uma aldeia, trocar recursos com outros jogadores e, mais tarde, invadir territórios e contruir um império.

Não é necessário estar sempre em cima dele, mas pode ir-se controlando todos os dias. é de estratégia e vale a pena a visita. Claro que o servidor 3 já conta com uma aldeia chamada Trigolândia... o chefe (romano) chama-se, curiosamente, Trigus. Experimentem.

Obrigado, Paulo, pela dica.

sexta-feira, 29 de junho de 2007

Metallica no SR/SB

Ontem, dia 28 de Junho, Lisboa teve oportunidade de assistir a um concerto memorável de uma banda que marcou a minha geração. Os Metallica apresentaram aos fãs lusos (e muitos espanhois, diga-se) mais de duas horas de música de qualidade, com imensas referências à velha escolha do metal. As músicas mais comerciais também marcaram presença, mas foi dos primeiros albuns que se fez realmente o concerto.
Momento da noite (na minha opinião) - Battery. Um aspecto negativo? Que raio de t-shirts mais feias. Nem sequer valeu uma segunda olhadela, quanto mais uma compra...

sexta-feira, 22 de junho de 2007

Quem quer ser milionário?

Este já é... que estilo!

terça-feira, 19 de junho de 2007

A verdadeira queda de Hitler

Não deixem de ver o que, na realidade, levou Hitler à loucura. São três minutos e meio de um imperdível documento histórico finalmente revelado.
Tudo levava a crêr que havia sido o inverno russo e a infindável corrente de soldados vermelhos, aliada à tenacidade das tropas ocidentais defensoras da causa democrática e da liberdade de expressão. Não, foi a Microsoft.

sábado, 16 de junho de 2007

Donas da noite

As noites são das corujas
nas sombras, de olhos gigantes
contam histórias de almas sujas,
sem destino, são errantes.

Zelam por mortos, talvez,
dos vivos guardam segredos.
Se os homens são marés
morre água nestes rochedos...

Entoam parca melodia
naquele muro - em todo o lado
donas da noite sombria,
elas escrevem o nosso fado.

sexta-feira, 1 de junho de 2007

Rato na toca

O rato vai de férias nos próximos tempos. O blog vai sofrer, durante esse período, de falta de actualizações. Mas por pouco tempo.
Até breve

quinta-feira, 31 de maio de 2007

Sem rumo

Escapa-se o pó por entre os dedos,
escurece o dia, esvai-se a verdade
quem hoje chora ante seus medos
mata aos soluços a sua vontade.

Sem terra, meu Deus, sem nada,
Sem noite, sem madrugada,
Terra sem Deus e Deus sem terra
Saudade triste tão recordada.

segunda-feira, 28 de maio de 2007

Olhó Caneco

Menos mal. Assim se salva uma época. Fica a certeza de que a política de formação funciona mesmo. Se repararem, estamos a falar de uma equipa repleta de gente jovem, formada nas escolas de Alvalade. Saudações leoninas.

terça-feira, 22 de maio de 2007

O que muita gente pensa...

... mas ninguém diz. A melhor forma de envergonhar a corja de políticos de garganta seca. Por vezes, é preciso ser uma criança a fazer o que muitos adultos não fazem. Vale a pena ver aqui.
Um abraço, Hugo, pelo link.

O título do FPC

Esclarecedor. Quando o Sporting ganha o Campeonato, (alguns) os adeptos do Benfica vêm para a rua festejar connosco (e vice-versa). Quando o Benfica ganha o campeonato, as claques do Porto dão pancada de meia-noite nos benfiquistas que vão para a Av. dos Aliados, no Porto ("ah, pq é a nossa casa, e tal...").

Quando o FCP ganha, e porque os adeptos não têm em quem bater, arranja-se! Que tristeza.

domingo, 20 de maio de 2007

Dia de formatura...

Ei-la que está formada, a irmã do Rato do Deserto. Foi no sábado. Esperemos agora por muitos sucessos profissionais que a façam feliz. Muitos parabéns, Bida!

sexta-feira, 18 de maio de 2007

Guerra Civil de Espanha

Morte de um soldado republicano - Robert Capa

segunda-feira, 14 de maio de 2007

Garra leonina

Acreditar até ao fim. Gostei de me sentir campeão durante 60 minutos... gostava de me sentir assim durante a próxima época. É verdade que o nosso jogo não é fácil, mas nada é impossível. O Aves tem de pontuar. Se o V.Setúbal ou o Beira-Mar pontuarem, o Aves desce. É muito provável que a derrota não lhes sirva. Nunca se sabe. Um livre como o de Paços, um canto bem cobrado...
Vamos acreditar e torcer até ao fim. Com desportivismo, mas com esperança.
Saudações leoninas.

o mundo sabe que p'lo teu amor eu sou doente
darei o meu melhor para te ver sempre na frente
irei onde o coração me levar e sem receio
darei o que puder pelo meu Sporting!

sexta-feira, 11 de maio de 2007

O cão mais feio...

Vale a pena ver. Para quem se queixa dos animais de companhia...

quarta-feira, 9 de maio de 2007

Modelismo... ou fanatismo sem precedentes

Depois de uma dica do Kaiser, aqui fica uma foto. Se gosta da Segunda Guerra Mundial ou de modelismo, é uma visita obrigatória. Vale um Post só por si. Gracias, Kaiser.

segunda-feira, 7 de maio de 2007

Por mil palavras

Simplesmente fantástica. É uma foto tirada pelo Joel Santos, um fotógrafo amigo e premiado a nível nacional (e justamente). A foto foi tirada no fim de 2006 e retrata a vida diária de um pescador chinês.
São muitas as fotografias de que o Joel se pode gabar, mas esta, no meu entender, é das melhores.
Não deixem de dar um salto ao site do rapaz, que vai valer a pena (está nos meus sites preferidos, ao lado). É que além de ser um fotógrafo excepcional, já esteve em locais fabulosos. Não se vão arrepender.

sexta-feira, 4 de maio de 2007

Bruxelas, Bélgica

No parlamento europeu...
... não sei que portáteis usam, mas eu fui ver os da Sony aos Head Quarters, em Bruxelas. Regressei há dois dias e foi ir e vir, sem direito a parar na casa de Partida e sem conseguir ver Bruxelas. De qualquer forma, valeu a pena, pelo interesse tecnológico da coisa. O tempo estava, para ser franco, espectacular - melhor que Lisboa, na verdade. É uma excepção que deve ser ressalvada.

Detalhes da viagem (0 a 5)
Bruxelas, Bélgica
Tempo de viagem - 4
Comida - 3
Estadia - 3
Clima - 4 (excepcional, para a altura do ano e para a cidade)
Interacção com "nativos" - 2
Geral - 3,2

Málaga, Espanha

Havia sevilhanas...

... mas só ao fim da noite.
Estive em laga com a Brother para ver... impressoras e stuff. Foi giro e a companhia ajudou bastante. O espectáculo com as sevilhanas foi incrível e pode ser tido como exemplo de como se consegue aliar as apresentações tecnológias à cultura de cada cidade que visitamos. Muito bom.

Detalhes da viagem

Málaga, Espanha

Tempo de viagem - 5

Comida - 4

Estadia - 3

Clima - 4

Interacção com "nativos" - 4

Geral - 4

domingo, 29 de abril de 2007

Os olhos de Jeremias

Aos olhos de Jeremias,
o teu sorriso é mais doce.
Quem lhe dera que o não fosse
doce amor não conhecias...

Nos olhos de Jeremias,
a tua boca é a lua
que alumia a noite nua
a tua noite, em que dormias.

Aos teus olhos Jeremias
pede beijos que não podes
é poeira que sacodes
ao fim dos teus longos dias

Sem teus olhos Jeremias
vive na escuridão
sempre lhe dizes que não
dos teus olhos não sabias.

sexta-feira, 27 de abril de 2007

Diz que é uma espécie de fera

Mas a verdade é que é foi o nosso primeiro sobrinho. Dom Kike, da Kikolandia, conhecido como "Fera", "Noggy-lover" ou simplesmente "Henrique".
Agora vai ter um mano e temos medo que fique com ciúmes por causa da atenção que o tio Ão e a tia Nana vão dar ao próximo acréscimo à família Correia, mas ele sabe que é insubstituível.
Este grande sportinguista pode contar connosco sempre, mesmo com um novo mano... mesmo com os mongos dos pais.
Kike's on the move again!

quinta-feira, 26 de abril de 2007

Barcelona, Espanha

A Sagrada Família estava lá...

... mas eu estive na sede da Adobe a ver... programas (em Fevereiro deste ano). Felizmente, fica num local bonito, no porto. É na torre mais alta de Barcelona (Mapfre). Foram 4 dias de trabalho e não consegui ver nada de uma das cidades mais bonitas de Espanha.

Detalhes da viagem (0 a 5)
Barcelona, Espanha
Tempo de viagem - 5
Comida - 4
Estadia - 3
Clima - 4
Interacção com "nativos" - 4
Geral - 4

quarta-feira, 25 de abril de 2007

Dublin, Irlanda

Desta vez não houve provas de Whisky...

... como aconteceu das outras vezes. Terá a Irlanda tão pouco para mostrar aos estrangeiros? Estive com a HP em Dublin para ver... tintas para impressoras.

Fui num dia e vim no outro (à imagem do que acontece quase sempre) e não houve tempo para ver nada em Dublin. De qualquer forma, o hotel era fabuloso (tenho fotos), mesmo que tenha sido utilizado somente para dormir e pouco mais. Se tivesse que viver com aquele tempo todo o ano, matava-me. Os irlandeses (tal como os ingleses) devem ter 30 dias de sol por ano. Que tristeza. A comida, porém, é bem melhor do que a dos english folks da outra ilha. A paisagem é fabulosa. Além disso, ver a Irlanda como está hoje faz-nos realmente pensar nas oportunidades que perdemos na UE... há 10 anos, eles estavam na cauda da Europa connosco. Hoje, são um dos países mais desenvolvidos e com melhor nível de vida. E isso nota-se.

Detalhes da viagem (0 a 5)
Dublin, Irlanda
Tempo de viagem - 2 (sempre com escalas, não há voos directos)
Comida - 2
Estadia - 4 (um dos melhores hotéis até hoje)
Clima - 1 (fantástico clima cinzento...)
Interacção com "nativos" - 3 (mas quase não houve tempo para falar com irish people)
Geral - 2,4

sábado, 21 de abril de 2007

Lexington, Kentucky, EUA

Diz que é uma espécie de cidade a sério...

...mas a verdade é que não há nada para ver. Estive em Lexington em Março, numa viagem da Lexmark para ver... impressoras, claro está. Foi a segunda vez que lá estive e continua na mesma. Cavalos e pouco mais. (algumas loiras também).
Aqui estou eu numa visita a uma quinta de cavalos com uma fiel companheira na mão. Chamava-se "Bud" e esteve comigo durante quase toda a estadia de quatro dias.

Detalhes da viagem (0 a 5)
Lexington, EUA
Tempo de viagem - 0 (quase 18 horas)
Comida - 3
Estadia - 4
Clima - 4
Interacção com "nativos" - 5
Geral - 3,2




sexta-feira, 20 de abril de 2007

Peões de gigantes

Nós somos na vida peões de gigantes
Lembranças esquecidas,
Trovões galopantes
Que rasgam o escuro
E o pintam de medo,
Que batem no muro
E gritam num credo...

Moedas no bolso, letras no papel,
Tinta em alvoroço
Luz de um carrossel
Que sempre se apaga
Ao morrer dos sorrisos
Triste, amargurada
Em néones indecisos

Somos peões de gigantes
Somos brinquedos dos outros
Pedras que o destino afasta
Vidas sonhadas por mortos

A folha na rua, papel na calçada
Em breves momentos
Damos tudo por nada.
Criamos dois mundos
Histórias de profetas,
Paramos segundos
Na voz dos poetas

De braços abertos, olhando p’ró céu
Pedimos segredos
Que o tempo esqueceu...
São só os gigantes
Brincando a seu gosto
Riem, triunfantes
Somos o seu mosto

Somos peões de gigantes
Somos brinquedos dos outros
Pedras que o destino afasta
Vidas sonhadas por mortos

- Letra registada na Sociedade Portuguesa de Autores